sábado, 2 de agosto de 2008

Procura-se

Procura-se uma mulher de verdade. Que tenha entre 25 e 30 anos. Independente. Inteligente. Que agrade as pessoas com quem conviva. Goste de coisas que gosto como, por exemplo: informática, passear, conversar com amigos/as, sair para lugares não muito bagunçados. Tenha ótimos vínculos com a família. Que seja organizada. Que tenha um cabelo lindo naturalmente. Que não seja nem muito alta e nem muito baixa. Que saiba sair de cantadas com classe.

Procura-se uma mulher de verdade. Que já tenha sofrido desilusões amorosas. Que não minta. Que não use o corpo para chamar a atenção de ninguém. Que goste de ser feliz com coisas simples. Que não seja egoísta. Que tenha boa memória.

Procura-se uma mulher de verdade. Que saiba a importância da fidelidade. Do carinho. Do amor. Das amizades. Das pessoas. Da vida.

Não tenho muito a oferecer a não ser muito carinho, atenção, paixão e, espero, o amor. A certeza da fidelidade. Do cuidado. Do interesse por suas coisas. Da amizade. Da cumplicidade. Do respeito ao seu espaço e à sua vida.

Se você se encaixa nesse perfil e não tem nada que lhe impeça, segure na minha mão, faça um carinho, olhe nos meus olhos e não diga nada... Vamos viver um amor de verdade.

Se você se encaixa nesse perfil e tem alguma coisa que lhe faz temer, não faça nada... Continue com seus pensamentos. Sei que descobrirá, mais cedo ou mais tarde, que precisamos um do outro.

Minha fama não é boa, eu sei. Tenho fama de ter muitas bocas para beijar, muitos corpos para tocar, mas lembre-se: nada disso me satisfaz. Nenhuma delas me dá nada além de físico. Meu emocional ainda continua distante à sua espera.


3 comentários:

nah disse...

que pena.
nao me encaixo no perfil, mas, boa sorte na sua procura :) sempre torco por voce e sempre estarei ao seu lado.

Branquinha disse...

Que desespero é esse a ponto de procurar alguém através de um blog!

Anônimo disse...

uma palavra p definir isso: -medo.

Beijos

/me